enfim resolvido
  • BLOG

    BAIXE O PLANNER FINANCEIRO

  • Lions

    RESENHA DO LIVRO AZAR O SEU

  • Snowalker

    A MENINA DOS OLHOS MOLHADOS

  • Howling

    RESENHA LIVRO DE REPENTE

  • Sunbathing

    RESENHA PS AINDA AMO VOCÊ

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Planner Semanal de mesa para download

Hey gente!

Como muitos de vocês gostaram dos freebies passados, resolvi fazer mais alguns e com mais frequência.

O freebie de hoje é um planejamento semanal de mesa. Fiz no tamanho é A4, ou seja, tamanho de uma folha de ofício normal. É ideal para deixar na mesa de estudos ou trabalho, com vista total de todas as tarefas que precisa fazer durante a semana.
É um planejamento semanal bem simples, por que é algo que está funcionando para mim. No meu caso, eu adoro fazer listas e vou riscando as coisas que já fiz.
Utilizei apenas as cores azul bebê, rose quartz e cinza, porém fiz seis modelos, assim dando mais opções a vocês.

SOBRE O DOWNLOAD:
Para fazer o download do Planejamento Semanal de Mesa basta clicar na campanha que eu fiz do pagsocial, permitir o aplicativo e compartilhar no twitter ou facebook, assim outras pessoas podem conhecer também. É super seguro. 


SOBRE O USO DO ARQUIVO: não pode ser usado para fins comerciais (por hipótese alguma pode vender esse planejamento semanal de mesa, sendo processado por isso) e caso você queira reblogar, coloque os créditos e link dessa postagem (não disponibilize o arquivo no seu blog). 

Se você ainda não viu, disponibilizei um planner financeiro com controle de gastos fixos e extras, um roteiro de estudo para ajudar na vida acadêmica dos estudantes e um planner 2017 modelo minimalista p&b completo para download.

Espero que tenham gostado!

Beijos, Lah!

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Resenha do filme summer of 8

Hey gente!

Numa bela tarde sem aula na faculdade procurando algo para fazer, resolvi procurar algum filme para assistir e encontro a capa e sinopse do filme Summer of 8 que me interessaram bastante. Eis que meus amigos apareceram e decidi adiar o filme. 

Acontece que isso faz alguns meses e finalmente me lembrei o nome do filme para assistir. Cá estou eu para contar o que achei dele. 

TÍTULO ORIGINAL: Summer of 8
DIREÇÃO: Ryan Schwartz
GÊNERO: Romance
ANO: 2016
Oito amigos próximos aproveitam seu último dia de verão juntos na praia antes de começarem a faculdade.
Oito jovens estão a um dia de seguir suas vidas e entrar na faculdade, aproveitando o último verão juntos antes dessa separação.

Os amigos Jesse, Oscar, Bobby, Aiden, Lily, Jen, Emily e Serena terminaram o que eles nomearam de primeira vida. A vida em baixo da saia da mamãe, com seus melhores e inseparáveis amigos e no cenário que eles já estavam familiarizados desde sempre. 
Cada um seguiria para cidades diferentes, faculdades diferentes, com rotinas diferentes. Uma nova vida os esperavam e isso era tudo novo para todos. É claro que existia medo do que estava por vir. 

Além dessa separação, eles precisavam solucionar alguns questionamentos que surgiram durante esse tempo como se valeria a pena namorar a distância ou se contar ou não a uma garota que está afim dela. E se não solucionados logo, começariam essa nova vida com um pé atrás. 
O filme é narrado pelo protagonista Jesse, onde ele escreve cartas ao pai que faleceu quando ele era menor. 

Quando eu li a sinopse pensei que seria um filme gostosinho de assistir, mas de maneira que me tirasse risos e suspiros. 

O filme não é nada de espetacular, sabe? É gostoso de se assistir sim, por que o telespectador consegue ver as horas se passando e vendo que essas amizades de certa forma vão se distanciar. Me bateu muita saudade dos meus amigos do colégio e você fica com coração apertado sabendo qual é o final de tudo aquilo.
A verdade é que todo mundo tem medo do novo. Aquela primeira vez sozinho em um lugar totalmente novo para você, um lugar que não conhece ninguém, em uma cidade nova e sem seus amigos e familiares por perto. 

No Brasil, ir para a faculdade é algo bem mais fácil do que no exterior. Eu posso reencontrar a maioria dos meus amigos do colégio na faculdade que estudo ou passeando pela rua por que eles ainda moram na mesma cidade. 

É normal. Eu também senti isso quando eu estava para entrar na faculdade, mas o fato de ter amigos por perto já aliviou muito.
Não é um filme ruim. Os atores são ótimos, apesar de não serem muito conhecidos e o núcleo de filme só são os oitos personagens e de leve (por pouco tempo) a mãe de um dos personagens. O filme se passa em apenas um dia, com dois cenários e muita bebida e drogas.

A trilha sonora apesar de não ser animada, é incrível. Bem no estilo bad de separação. Eu me senti como se fizesse parte dos oito e estivesse me separando também. 

Eu creio que a história poderia ter sido mais trabalhada, mas valeu pela demonstração dos sentimentos, esse que muitas pessoas também vão sentir ao precisar se separar e seguir a diante. 

O final apesar de ter sido o óbvio, eu esperava saber o que tinha acontecido com eles. Se os questionamentos foram solucionados, como estava sendo a vida deles, nem que fosse tudo isso por 1 minuto.

Enfim, espero que tenha gostado!

Me contem se já conheciam o filme ou me indiquem filmes legais para assistir hehe

Beijos, Lah!

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Resenha do filme cinquenta tons mais escuros e semelhanças com o livro

Hey gente!

Hoje venho com a resenha de um das minhas adaptações mais esperadas para 2017, isso desde que assisti ao primeiro filme da trilogia cinquenta tons em 2015. O filme Cinquenta tons mais escuros foi lançado no final da segunda semana de fevereiro.

Para quem não sabe, o filme cinquenta tons mais escuros é uma adaptação cinematográfica de uma trilogia de livros escrito pela E L James. O primeiro livro é o Cinquenta Tons de Cinza, seguido por Cinquenta tons mais Escuros e Cinquenta tons de Liberdade.

Contei na resenha do livro cinquenta tons mais escuros que ele tinha sido um dos meus preferidos, juntamente com o terceiro da trilogia, então estava muito ansiosa para assistir.

Outro motivo que me fez querer assistir foi a mudança de diretor. Cinquenta tons de Cinza foi dirigido pela Sam Taylor-Johnson e Cinquenta tons mais Escuros foi dirigido por James Foley, tendo roteiro escrito por E L James e seu marido.

TÍTULO ORIGINAL: Fifty Shades Of Grey 2: Fifty Shades Darker
DIREÇÃO: James Foley
GÊNERO: Drama, Romance, Erótico
ANO: 2017
Incomodada com os hábitos e atitudes de Christian Grey (Jamie Dornan), Anastasia (Dakota Johnson) decide terminar o relacionamento e focar no desenvolvimento de sua carreira. Ele, no entanto, não desiste tão fácil e fica sempre ao seu encalço, insistindo que aceita as regras dela. Tal cortejo acaba funcionando e ela reinicia o relacionamento com o jovem milionário, sendo que, aos poucos, passa a compreender melhor os jogos sexuais que ele tanto aprecia.
No filme cinquenta tons mais escuros acompanhamos a saga de Christian Grey para reconquistar a Anastasia, que terminou o relacionamento devido aos hábitos peculiares do parceiro. 
A questão é que a Ana tem uma condição para o aceitar de volta. Ela apenas queria um namoro normal, sem mais regras ou segredos. E claro que Grey aceita, já que não quer ficar longe da sua amada, mas isso é mais complicado do que a Ana pensa, já que ela irá cada vez mais saber seu passado dark e toda a história que ele insiste em guardar.

O cenário do filme mudou e agora temos a Anastasia trabalhando para uma editora, com seu chefe Jack Hyde tentando algo a mais com ela, além de ter que enfrentar os passados do Grey como sua ex-submissa Leila e seu relacionamento com a Elena. Ahhh, temos também um Grey apaixonado, já contei? hehe A Rita Ora tirou aquela peruca ridícula para interpretar a Mia e deu uma vida a mais para a personagem haha

Achei o segundo filme bem melhor que o primeiro, até por que já vemos outro cenário, um Grey apaixonado e disposto a lutar pelo coração da Ana. 

Continuo achando a escolha dos atores maravilhosa e a Ana não poderia ter sido melhor representada nesse filme. Achei a atuação da Dakota muito boa e fiel ao que imaginei enquanto estava lendo o livro. 
Ainda continua tendo cenas de sexo, mas não sei se foi o fato de ter um Christian mais carinhoso ou se realmente o diretor quis demostrar isso, mas o que percebi foi que as cenas ficaram mais light, apesar de ainda ter a pegada picante. A linguagem também mudou e não vemos tantas palavras "baixas".

Vi em alguns comentários em resenhas do filme gente falando que tinha cenas soltas e sem sentido, mas creio que essas pessoas não tenham lido os livros, apenas assistindo aos filmes. Mas calma, que todas as lacunas se resolvem no último filme da trilogia. 

O ponto negativo que achei do filme foi o fato dos problemas serem resolvidos rapidamente. Poderia ter dado um suspense a mais à trama.

A trilha sonora do filme é algo a se comentar: maravilhosa! 
A semelhança com o livro é absurdamente enorme, o que me deixou surpresa para uma adaptação, já que sabemos que o tempo para reproduzir todas as cenas é curto. As principais cenas que imaginei que poderiam ter sido adaptadas, foram!

A verdade é que ainda tem muita gente com preconceitos com a trilogia, por ser algo erótico e apresentar algo não muito comum. Apenas assistam, sem levar em considerações essas opiniões, formando assim sua própria opinião. 

Classificação indicativa do filme: maiores de 16!

O filme Cinquenta tons de Liberdade só será lançado em 9 de fevereiro de 2018, até lá descobriremos como matar a saudade dessas coisas lindas.

Espero que tenham gostado!

Me contem: vocês já assistiram ou não pretendem? hehe

Beijos, Lah!

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

4 livros que quero ler no carnaval

via reprodução
Hey gente!

Carnaval é uma das épocas do ano que mais amo, mas em 2017 decidi ir para a praia junto com alguns amigos e familiares, sem muita folia. 

Como livros são como segunda pele para mim, resolvi separar as leituras que quero fazer durante meus dias de descanso

Os livros escolhidos não tem o tema carnaval, mas separei opções que acho que vai ser legal de se ler por terem temas leves.
ACONTECEU NAQUELE VERÃO – STEPHANIE PERKINS – Editora Intrínseca 
Doze histórias de amor que acontecem no verão. A lição é simples: o amor não escolhe lugar nem hora para surgir. Coloque seus óculos escuros e abra sua cadeira de praia, porque neste verão você terá doze motivos para suspirar e se apaixonar.
O livro segue a mesma linha de "O presente do meu grande amor", onde a Stephanie Perkins reuniu alguns autores para contarem histórias de amor que acontecem no natal. 

Aconteceu naquele verão não é apenas escrito apenas pela Perkins, outros autores (diferentes do primeiro livro) foram convidados e desde que soube do seu lançamento senti vontade de ler.

Como já contei nas resenhas dos livros da Stephanie Perkins, ela virou uma das minhas autoras preferidas, com dois de seus livros na minha lista top 5 livros da vida

A SEREIA  KIERA CASS  Editora Seguinte
Anos atrás, Kahlen foi salva de um naufrágio pela própria Água. Para pagar sua dívida, a garota se tornou uma sereia e, durante cem anos, vai precisar usar sua voz para atrair pessoas até o mar e afogá-las. Kahlen está decidida a cumprir sua sentença à risca, até que conhece Akinli. Lindo, carinhoso e gentil, o garoto é tudo com que Kahlen sempre sonhou. Apesar de não poderem conversar - pois a voz da sereia é fatal -, logo surge uma conexão intensa entre os dois. É contra as regras se apaixonar por um humano, e se a Água descobrir a sereia será obrigada a abandoná-lo para sempre. Mas pela primeira vez, em muitos anos de obediência, Kahlen está determinada a seguir seu coração.
Eu já li alguns livros da autora e gostei muito, principalmente por falar de realeza, como contei na resenha do livro A seleção.

Houve algumas dúvidas sobre o livro A sereia ser continuação da série A seleção, da mesma autora, mas não é continuação. 

Pela sinopse fiquei muito curiosa para ler.
NÃO SE ENROLA, NÃO – ISABELA FREITAS Editora Intrínseca 
A vida de Isabela dá uma completa reviravolta depois do sucesso de seu blog, Garota em Preto e Branco. Decidida a perseguir seus sonhos, ela abandona o curso de direito, deixa a casa dos pais, em Juiz de Fora (MG), e se muda para São Paulo tão logo conquista um emprego numa badalada revista on-line. Enquanto se adapta aos novos tempos numa quitinete no Baixo Augusta, Isabela escreve seu primeiro livro. Isabela Freitas mostra neste Não se enrola, não os primeiros passos de seus personagens na vida adulta, com toda a independência e as responsabilidades que ela proporciona.
Eu adoro a escrita da Isabela e já resenhei aqui os dois outros livros da autora. Como sei que a leitura é bem agradável e fácil, foi sem dúvidas, o primeiro livro que pensei para a lista.

EU E VOCÊ – ALI CRONIN – Editora Seguinte
Um ano se passou desde esse início de Garota S2 Garoto, e Sarah está mais madura e experiente. Disposta a superar o passado, ela voltou a namorar seu melhor amigo. Porém, por mais que o relacionamento pareça ótimo, Sarah está atordoada, cheia de dilemas e questionamentos. Será mesmo que ele é realmente o amor da vida dela? E como ficarão as coisas quando os dois forem para a faculdade? Sarah precisa descobrir um jeito de lidar com todas as inseguranças, sem esquecer dos seus amigos do coração.
Garota s2 Garoto é uma série de 6 livros da autora Ali Cronin. Já li todos os cinco livros da série, falta apenas esse, que na verdade é o meu mais aguardado. 

Em breve todos serão resenhados. 

Espero que tenham gostado das minhas escolhas.

Já conheciam esses livros? Quais escolhas de vocês?

Beijos, Lah!

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Fontes free para baixar

via reprodução
Hey gente!

Atire a primeira pedra quem nunca recebeu uma pergunta como: "Que fonte você está usando?" haha

Pensando nessa utilidade pública, separei as fontes mais mais bonitas que são de graça para baixarmos e usar livremente para convites, textos ou até mesmo personalizar seu blog.

Todas as fontes estão com os links direto para serem baixadas e instaladas no computador de vocês.
1. Winter Calligraphy – Dafont
2Shorelines – Dafont
3Bringshoot – Dafont
4. Better Together – Dafont
5. Paper Bow – Dafont
6. Mottona – Dafont
7. Lauren – Dafont
8. Paduka Script – Dafont
9. Bromello – Dafont 

A fonte Better Together foi a que eu utilizei no planner 2017 que disponibilizei para download. 

"Baixei e agora?"

Baixou a fonte e não sabe como salvar? Separei o caminho que você deverá percorrer até conseguir salvar. É bem fácil e eu também não sabia quando baixei a minha primeira fonte hehe

Vá em Meu Computador/Disco Local (C:)/Windows/Fonts.

Depois é só colar a fonte e começar a usar.

Espero que vocês tenham gostado!

Fiquei apaixonada por essas fontes e tenho usado bastante.

Beijos, Lah!

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

O que achei da Série Big Time Rush da Nickelodeon

Hey gente!

Pela primeira vez venho comunicar a vocês que finalmente consegui finalizar uma série YAYYYYY

Sempre escrevia por aqui que eu não consiguia acompanhar uma série por que sempre deixava de lado devido aos compromissos e preferia filmes, por serem mais rápidos.

Eis que uma das minhas metas para 2017 era justamente conseguir assistir uma série completa. Como contei a vocês na lista de filmes que assisti em Janeiro (onde eu indiquei o filme da série), havia começado a assistir, mas ambos iriam sair do catálogo da Netflix em Fevereiro, então foi o gás a mais que eu tive, por que se não, eu não saberia qual o final da série.

Não consegui começar a assistir e não saber o que aconteceu com os personagens. Afinal, são 4 temporadas e 74 episódios onde muitas histórias iriam rolar, né?

ps.: A Netflix adiou a retirada da série do catálogo para 7 de março. 
A vida destes quatro melhores amigos do Minnesota está prestes a mudar. Um dia, eles estavam jogando hockey e tentando passar em Matemática, no outro, estão indo pra Los Angeles para se tornarem a mais nova sensação pop. Pode parecer um sonho, mas trocar tacos de hockey por cabelo e maquiagem nem sempre é fácil. Será que eles têm tudo para fazer sucesso no mundo da música? A fama vai transformá-los? E onde eles irão praticar seu esporte favorito?
O QUE É O BIG TIME RUSH?
Big Time Rush foi uma foi uma boyband pop norte-americano e um seriado de televisão produzida pela Nickelodeon, que fez muito sucesso entre os anos de 2010 e 2013. Quando comecei a assistir não fazia ideia de que se tratava de uma banda real e acabei me surpreendendo. A banda só surgiu por causa da série.
Na série conhecemos quatros jogadores de hockey que saem de Minessota para Hollywood em busca de se tornarem uma boyband de sucesso mundial.

OS PERSONAGENS
O primeiro motivo que me fez assistir a série completa foi os personagens. Eu adorei o jeito de todos, por mais esquisitos que fossem.

Os principais personagens são Kendall, Logan, James e Carlos, que são os componentes da banda (e nomes reais). Os quatro moram com a mãe e irmã de Kendall (Jennifer e Katie Knight).
Alguns dos outros personagens principais são: Jo Taylor, Camille Roberts, Gustavo Rocque e Kelly Wainwright.

AS MÚSICAS
O segundo motivo foi por ter música, o que torna a série muito mais animada. Eu sou apaixonada por filmes, séries ou livros que tem trilha sonora envolvida, como contei na resenha do livro Talvez um Dia da Colleen Hoover.

Separei dos dos meus clipes preferidos para vocês sentirem o gostinho. 


OS CENÁRIOS
A série se passava em Los Angeles. Conhecemos alguns locais fictícios como a Rocque Records que era a gravadora da banda e o Palm Woods que era o hotel que eles moravam juntamente com outros famosos. 

EPISÓDIOS
Os episódios são rápidos, no máximo 25 minutos cada. 

Se eu pudesse indicar para vocês apenas dois episódios entre todos da série, seria: O episódio 28 da segunda temporada -  A história do Big Time Rush, onde conhecemos quase toda a história da série de maneira simplificada. E o episódio 12 da terceira temporada (último episódio) - Os erros, em que vemos alguns dos erros e curiosidades das gravações da série. 

O QUE ESSA SÉRIE ACRESCENTA NA MINHA VIDA?
Muita música legal de se ouvir hehe Big Time Rush é um seriado levinho como os muitos outros que passam na TV depois do almoço. Não é aquela série mais trabalhada e vemos muitos erros de gravações, que talvez até passe sem você perceber. 

CURIOSIDADES
Big Time Rush foi o segundo seriado mais assistido na história da Nickelodeon, ficando atrás apenas de iCarly. 

Carlos é casado com a Alexa Vega que fez a protagonista Carmen no filme "Os pequenos Espiões" e apareceu nos últimos episódios da série.

Espero que tenham gostado!

Espero que esse ano seja repleto de posts como esse, onde compartilho minha opinião de determinada série hehe

Vocês já conheciam a banda ou a série?

Beijos, Lah!

quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Últimos posts que vi em 2016 + melhores posts de janeiro

via reprodução
Hey gente!

Fazia tempo que eu não separava algumas postagens legais que via, né? Em 2016 eu pude conhecer vários blogs e no finalzinho de 2016 separei alguns links que eu queria compartilhar com vocês, mesmo a maioria sendo relacionado ao Natal, acho que ainda vale divulgar. Juntando o útil ao agradável, resolvi também indicar os que vi em Janeiro e gostei. 

Imagem da postagem no blog referente
A Sophie escreveu um conto natalino muito lindo chamado So This Is Christmas. Confesso que sou apaixonada por contos e principalmente se forem referente ao natal, ou alguma estação, como inverno.

O conto fala de dois desconhecidos que na noite de natal quando pensavam que tudo estava desandando acabam se esbarrando na vida.

Já quero um próximo capítulo hehe

Imagem da postagem no blog referente
A Carol separou várias fotos INCRÍVEIS dessa época linda e decorada que se chama natal. Já pode se inspirar e preparar sua câmera para pegar os melhores cliques no próximo natal hehe

Imagem da postagem no blog referente
A Hellen resenhou o livro "Tudo e todas as coisas" da Nicola Yoon, publicado pela editora Novo Conceito.

Já vi várias resenhas legais desse livro, mas ainda não consegui ler. A resenha dela só reforçou o que eu já sabia: preciso ler esse livro!

O blog é muito lindo e as fotos incríveis.

Imagem da postagem no blog referente
Óbvio que piro quando descubro que algum livro vai virar filme ou série. A editora intrínseca separou algumas obras deles que vão para as telinhas, incluindo Não se iluda, não! da Isabela Freitas.

Imagem da postagem no blog referente
A Giselle indicou um site onde podemos fazer cursos com certificados de universidades famosas, isso tudo a distância. Fiquei muito curiosa com a proposta e já me inscrevi no site. 

Espero que tenham gostado!

Que 2017 seja um ano de muitos posts maravilhosos como esses hehe

Beijos, Lah!

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Resenha do livro Talvez um dia - Colleen Hoover

Hey gente!

Lembram que separei na lista de livros que queria comprar na Black Friday o livro “Talvez um dia" da autora Colleen Hoover?

Recebi algumas indicações para a leitura e já vi muita gente dizendo que queria começar a ler. Eis que cá estou eu para resenhar esse amorzinho! 

TÍTULO ORIGINAL: Maybe Someday
AUTORA: Colleen Hoover
EDITORA: Galera Record
NÚMERO DE PÁGINAS: 368
ANO: 2016
Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex- melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.
Bom, inicialmente conhecemos nossos protagonistas: Sydney e Ridge. Eles são vizinhos de apartamento, mas nem se quer se conhecem pessoalmente ou já conversaram.

Sydney é uma garota de quase 22 anos, que faz faculdade de música, namora a dois anos o Hunter, tem uma melhor amiga e um trabalho que lhe ajudava com as despesas. Ela morava com sua melhor amiga Tori e pensava que nada na sua vida podia melhorar. 

Ridge tem 24 anos, namorando a cinco anos a Maggie, mora com Warren e Bridgete, já acabou a faculdade e toca de uma maneira que faz Sydney se apaixonar diariamente. Toda noite, ele ia para a varanda para tocar guitarra e Sydney ia vê-lo tocar.
Há semanas, o cara no apartamento do outro lado do pátio se sentou em sua varanda e tocou por pelo menos uma hora. Todas as noites, eu sento e escuto. 
Tudo começa quando Ridge escreve em um papel o número do seu celular pedindo para Sydney lhe mandar uma mensagem, devido ele achar incrível a maneira como ela canta as músicas que ele toca sem ao menos ter escrito as letras. 

Os dois começaram a trocar mensagens e era nítido a conexão musical que eles possuíam. Ridge precisava da ajuda de Sydney para compor letras para a sua banda Sounds of Cedar.

Eis que Sydney descobre que seu namorado e sua melhor amiga estão te traindo. Sem lugar para ficar, ela fica temporariamente na casa de Ridge.
No entanto, existem infinitas maneiras que essas vinte e seis letras podem fazer uma pessoa sentir-se, e essa música é a prova viva. Eu nunca vou entender como algumas palavras simples encadeadas podem mudar uma pessoa, mas esta canção, estas palavras, estão completamente me mudando. Sinto que o meu talvez um dia acabou de se tornar meu agora.
O livro é narrado por Ridge e Sydney. Todo capítulo tem as duas versões.

Essa aproximação vai criando um laço muito maior do que a conexão musical. Eles estavam se apaixonando e Sydney não queria ser uma Tori para Maggie.

Há um detalhe importante faz com que todo esse amor desenvolvido seja muito maior e emocionante, mesmo nascendo em um cenário complicado (de traições)!

Minha Classificação: 5 de 5.

MANO DO CÉU, eu nunca li nada parecido e o modo que a autora descreveu o cenário envolvendo eles é apaixonante e emocionante

A minha sensação era que eu já tinha passado várias páginas e que já estava chegando ao final, porém ainda estava longe de chegar à metade do livro. 

É um misto de emoção. Ora você está suspirando com as cenas fofinhas, ora você tá com o coração apertado devido os acontecimentos. 

As musicas combinam perfeitamente com o cenário que imaginei para o livro! E a melhor parte é que todas as músicas estão disponíveis para ouvir no próprio site do livro.

A leitura é agradável e consegui finalizar em dois dias, não que eu não pudesse ter finalizado antes, mas eu sabia que eu ia sentir falta de acompanhar essa história. 

O livro Talvez Um Dia tem "continuação", porém MAYBE NOT trata de Warren e Bridgete, de como eles se conheceram. Ainda não tem previsão para ser lançado no Brasil. 

Com certeza, esse livro entrou para a minha lista de 5 livros preferidos.

Espero que vocês tenham gostado!

Me indiquem livros amorzinhos como esse, vou amar contar minha opinião para vocês!

Beijos, Lah!

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Filmes assistidos em Janeiro #2

via reprodução
Hey gente!

Aqui estou com mais indicações de filmes para vocês. Resolvi que a lista dos filmes que não gostei vai permanecer, mas vou indicar os filmes mesmo que tenha dado três estrelas. 

TO RYCA
TÍTULO ORIGINAL: To Ryca
DIREÇÃO: Pedro Antonio
GÊNERO: Comédia
ANO: 2016
Selminha é uma frentista que recebe uma herança de família, mas somente se cumprir o desafio de gastar 30 milhões de reais em 30 dias, sem acumular nada. No entanto, nessa maratona, ela vai descobrir que tem coisas que o dinheiro não compra.
O que fazer quando você descobre que ganhou uma fortuna de herança, mas para recebê-la precisa gastar 30 milhões em 30 dias? Selminha passou por isso e precisou torrar esse dinheiro junto com sua melhor amiga. Mas se ela não conseguir gastar todo os 30 milhões, respeitando algumas regras impostas, ela não terá direito a nem um centavo. 

Eu me surpreendi com esse filme e ri horrores. É um filme leve que passa uma ideia de que o dinheiro não compra tudo na vida. 

Vi algumas resenhas do filme onde falavam que era quase uma cópia de outro filme, muito clichê, onde o protagonista precisava gastar o dinheiro para poder conseguir e por isso as pessoas não tinham gostado. 

Não sei, mas como não assisti o original que estão falando, gostei muito do que assisti. Gostei mais ainda pela atuação da Samantha Schmütz, que adoro o trabalho!

O SILÊNCIO DA MONTANHA
TÍTULO ORIGINAL: The Silent Mountain
DIREÇÃO: Ernst Gossner
GÊNERO: Ação, Aventura, Drama
ANO: 2014
Itália, 1915. Os jovens Andreas (William Moseley) e Francesca (Eugenia Costantini) se conhecem no casamento da irmã dele e logo se apaixonam perdidamente. Na mesma época, a Itália declara guerra a Áustria-Hungria e a Primeira Guerra Mundial eclode. Andreas é chamado a lutar no fronte, nas montanhas Dolomitri, localizadas no norte da Itália, mas deixa com Francesca um sinalizador para que ela acenda caso esteja em perigo. Quando o conflito se agrava, o batalhão do rapaz descobre que o seu vilarejo está sendo atacado, e no momento em que a moça pede ajuda, ele precisa decidir entre lutar pelo seu país ou por sua amada.
Apesar do filme estar na lista, eu não gostei muito dele. Como falei na primeira parte das indicações de filmes, como ele não entrou na lista de filmes que não gostei, resolvi indicar para vocês tirarem suas próprias conclusões.

O filme passa durante a primeira guerra mundial, onde Andreas e Francesca estão perdidamente apaixonados, mas não podem ficar juntos devido a rixa de seus países e também por que Andreas vai lutar na guerra.

Quando o vilarejo de Andreas é atacado, ele precisa decidir se vai permanecer lutando pelo seu país ou vai ajudar Francesca. 

Eu fiquei muito interessada ao ler a sinopse, mas não achei que o filme foi emocionante do jeito que eu imaginava ser. 

BIG TIME RUSH - O FILME
TÍTULO ORIGINAL: Big Time Movie
DIREÇÃO: Savage Steve Holland
GÊNERO: Comédia
ANO: 2012
Os meninos do Big Time Rush têm as malas trocadas no aeroporto e acabam ficando com um dispositivo secreto do bilionário Atticus Moon. Agora, enquanto escapam de espiões e malfeitores, eles precisam salvar o planeta antes de iniciar a sua nova turnê.
Big Time Rush é um seriado original da Nickelodeon que fez muito sucesso entre os anos de 2010 e 2013. Nele, conhecemos quatros jogadores de hockey de Minessota que vão para Hollywood para se tornarem uma boy band de sucesso mundial.

No filme, Kendall, James, Carlos e Logan vão para sua primeira turnê mundial começando por Londres, juntamente com os outros personagens principais da série. Eis que a mochila de Kendall é trocada por uma que contém um dispositivo secreto onde tem muita gente de olho, então eles vão precisar se virar nos trinta para dar conta da missão de salvar o mundo e a turnê da banda.

Para quem assistiu a série já sabe o que esperar do filme. Achei muito legal por que dá para matar a saudade dos personagens. Eu já assisti a série toda esse mês (não conhecia), então vou fazer um post específico sobre o que achei.

Para quem sentiu curiosidade de assistir, tanto a série quanto o filme estão na Netflix, mas vão sair do catálogo dia 7 de fevereiro. Então corre que tem um tempinho ainda.

Espero que tenham gostado!

Me indiquem mais filmes hehe

Beijos, Lah!
 

criado e codificado para o blog Enfim resolvido
cópia proibida © 2015