enfim resolvido
  • BLOG

    BAIXE O PLANNER FINANCEIRO

  • Lions

    RESENHA DO LIVRO AZAR O SEU

  • Snowalker

    A MENINA DOS OLHOS MOLHADOS

  • Howling

    RESENHA LIVRO DE REPENTE

  • Sunbathing

    RESENHA PS AINDA AMO VOCÊ

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Resenha do livro Twisted Palace (Série The Royals #3) - Erin Watt

via @enfimresolvidoblog
Hey gente!

Finalmente finalizei a série The Royals (pelo menos os livros já publicados pelas autoras) e AGUENTA CORAÇÃO!!! Quem ainda não viu, resenhei os livros Princesa de Papel e Broken Prince

Título Original: Twisted Palace
Autora: Erin Watt
Editora: Direitos adquiridos pela editora Planeta
Número de Páginas: 370
Ano: 2016
De inimigos mortais a aliados inesperados, dois adolescentes tentam proteger tudo o que mais importa. Ella Harper encontrou todos os desafios que a vida tem jogado seu caminho. Ela é dura, resistente e disposta a fazer o que for preciso para defender as pessoas que ama, mas o desafio de um pai há muito perdido e um namorado cuja vida está na linha pode ser demais para ela superar. Reed Royal tem um temperamento rápido e até mesmo punhos mais rápidos. Mas sua tendência para encontrar cada obstáculo com a violência finalmente alcançou com ele. Se ele quer salvar a si mesmo e a garota que ele ama, ele precisará se elevar acima de seu passado torturado e reputação manchada. Ninguém acredita que Ella possa sobreviver aos Royals. Todos estão certos de que Reed os destruirá todos. Eles podem estar certos. Com tudo e todos conspirando para mantê-los separados, Ella e Reed devem encontrar uma maneira de bater a lei, salvar suas famílias, e desvendar todos os segredos em seu torcido palácio. 
[Só para atualizar quem não leu o livro Princesa de Papel e Broken Prince]: Em Princesa de Papel, Callum Royal tornou o tutor de Ella após seus pais falecerem. Ele decide levar a garota para morar com ele e seus cinco filhos (cada um mais lindo que o outro). A estadia não é nada agradável por que os Royals e o pessoal do colégio estavam dispostos a infernizarem sua vida. Ella acaba se envolvendo com Reed Royal, mesmo ele sendo um babaca com ela de início. A relação entre Ella e os Royals melhorou, mas o livro acabou com uma burrada master de Reed. 

No segundo livro, Reed tenta convencer a Ella a te dar uma nova chance e esta disposto a lutar por isso. Teve uma grande melhora com os personagens e alguns mistérios e casos a serem trabalhados. 

Primeiramente, o livro Broken Prince acabou com três mistérios que precisavam serem resolvidos. 1) Um dos personagens falados no livro que não deveria estar lá misteriosamente apareceu, o que será que havia acontecido? 2) Um dos personagens foi assassinado e um dos Royals está sendo acusado e 3) quem é o assassino (a)?

Sim, mundo! Eu contei na resenha do livro Princesa de Papel que eu não tinha gostado tanto do primeiro livro justamente pela maneira que a Ella era tratada pelos Royals mirins. E aqui estou eu finalizando a série com essa última resenha.

Com o decorrer do segundo livro, vemos um Reed mais apaixonado e disposto a lutar por Ella.

O cenário do terceiro livro mudou e agora estamos falando sobre uma cena de um crime. Um dos personagens foi assassinado e Reed é o principal suspeito. Será que Reed Royal é o assassino? Por que alguém cometeria um assassinato e incriminaria outra pessoa?
[Reed] Eu me beneficiei toda minha vida, por ser um Royal. Se eu ficar em apuros na escola, meu pai escreve um cheque e meus pecados são esquecidos. Pelo tempo que me lembro, meninas fizeram fila para subir na cama comigo para que elas pudessem dizer a todos os seus amigos que elas ficaram com um Royal. Não que eu queira garotas em fila para mim. Há apenas uma garota que me interessa nestes dias - Ella Harper. E absolutamente me mata ela ter presenciado eu sendo arrastado para fora de casa algemado.
Grande parte das cenas giravam em torno do caso de Reed. Ele iria ser preso e isso colocaria em jogo todo o futuro que ele pudesse ter planejado.
[Ella] Às vezes eu ainda não consigo acreditar que todos nós nos odiávamos quando eu cheguei aqui. Reed estava determinado a me destruir. Seus irmãos alternadamente me insultando ou me ignorando. Eu fantasiava sobre fugir diariamente. E agora, eu não posso imaginar não ter os Royals na minha vida.
Foi um livro que prendeu minha atenção por que eu queria dar uma de Scooby Doo e descobrir quem era o assassino. Dava para ter noção de quem era (pelo menos eu tive), mas ao mesmo tempo que eu já sabia, outros suspeitos apareciam e ficava mais difícil e confuso de encontrar o verdadeiro.

Me deixou apreensiva por que já estava quase no final do livro e o caso do assassinato ainda não tinha sido resolvido OMG!!!

O livro é narrado por Reed e Ella novamente. Confesso que gostei desse esquema, por que eu não gostava de Reed pela narração de Ella.
[Reed] Uma vez eu brinquei que ela segurava minha coleira e é verdade. Eu sou uma pessoa melhor quando ela está por perto. Mais controlado. Mais digno.
Sobre os personagens...

Gide quase não aparece e alguns personagens aparecem mais que ele, como Wade e Val, que eram os melhores amigos dos protagonistas. Fiquei curiosa de saber mais sobre o caso de Gide, mas também não rolou.

East apesar de ser sem noção, é um sem noção legal e que sabe disso. É daqueles personagens que você quer ter um amigo assim, entendem? Claro, tirando as partes ruins. Wade também se assemelha a ele.

Continuo sem entender os gêmeos, sério. Eu queria muito saber um pouco mais sobre eles, mas as autoras não fizeram isso.

Callum é Callum, o Royal master, mas que também não tem tanto destaque quanto Reed e Ella.

Não vemos tanta linguagem baixa e as cenas estão picantes na medida certa. 

Minha classificação: 5 de 5.

Foi um final que fiquei satisfeita, mas senti falta de detalhes importantes. Queria mais informações sobre os personagens principais que foram ditos só por cima mesmo e outros nem foram explicados. Acho que seria bom um epílogo, nem que fosse em flashs dos acontecimentos.

Pelo que entendi, ainda vão ter mais dois livros com previsão de lançamento para esse ano na gringa OMG!!! Fallen Heir e Cracked Kingdom que falam sobre o queridinho Easton, que pelo visto é queridinho das autora também, por que os DOIS livros são sobre ele. 

Não foi um livro que amei, mas é difícil acompanhar uma série e depois simplesmente não gostar ou indicar. Foi o que aconteceu comigo quando li a trilogia Cinquenta tons, onde odiei o primeiro livro, mas continuei lendo os outros dois e acabei gostando.

Mesmo assim, indico a série The Royals, por que sou daquelas que gosta que cada um tire suas próprias conclusões.

A leitura foi rápida, não tão rápida quanto os outros dois livros da série por que eu estava lotada de coisas para fazer, mas mesmo assim eu não tirava o livro da cabeça.

THESE ROYALS WILL RUIN YOU....

Espero que tenham gostado!

Já conheciam a série?

Beijos, Lah!

0 comentários:

Postar um comentário

Obaaaa, muito obrigada por comentar, volte sempre! Beijoss!

 

criado e codificado para o blog Enfim resolvido
cópia proibida © 2015