enfim resolvido

quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Por que devo criar um blog?

via reprodução
Hey gente!

Nunca passou pela cabeça de vocês criar um blog?

Conversando com uma leitora, tive a ideia de contar a todos vocês um pouco sobre como eu me organizo com o blog e a experiência que eu tenho vivido desde que criei esse espaço do amor.

Indico esse tutorial de como criar o blog do zero e entrar nesse mundo maravilhoso com experiências únicas.

Vocês sabem que o blog é um espaço que compartilho muitas coisas que gosto, né? É meu hobby e uma maneira que consegui de escapar do caos da minha vida.

Sou estudante de engenharia, algo que já é complicado por natureza, mas comecei o blog enquanto ainda estava no ensino médio, que pra quem também não sabe, eu não fiz meu ensino médio normal que nem a maioria de vocês (fiz um curso técnico integrado ao ensino médio), então além das matérias que todos nós temos que ver, eu ainda pagava matérias específicas do meu curso (que era informática).

Confesso que a rotina do meu ensino médio me preparou para a faculdade e se eu não tivesse passado por ele, digo a vocês com quase toda a certeza que eu não estaria mais escrevendo no blog, já que eu não iria ter tempo.

Por causa disso, comecei a me organizar e ver que eu também queria continuar escrevendo no blog.

Como consegui me organizar:
Ainda não estou cem por cento organizada, mas vocês já devem ter percebido que eu mudei bastante desde que comecei.

Tenha ajuda
Ter blog um blog só seu é muito bom, mas ter alguém pra te auxiliar é muito melhor. Aqui no blog conto com a ajuda da minha irmã, então sempre que eu estou na fase de não ter tempo pra nada ela me ajuda. Ela também me auxilia procurando pautas para as postagens e procurando fotos dos posts que eu comecei, mas não terminei. Me ajuda imensamente mesmo.

Use um cronograma de postagens
Eu também gosto de usar cronogramas mensais de visão aberta, tipo os planejamentos que disponibilizei, assim posso ver todos as postagens que pretendo escrever e as datas de postar.

Deixe postagens prontas
Uma das coisas que mais me ajudou a não deixar o blog sem post foi justamente o fato de ter postagens prontas nos rascunhos. Sabe aquele tempinho livre que você tem no intervalo das aulas ou quando você termina de estudar e sente a necessidade de compartilhar alguma dica que serviu com você? Escreva!!!

Eu nem preciso dizer que desde que eu criei o blog minha vida melhorou demais, é um espaço para espairecer e recomendo para todos vocês.

Sempre que recebo mensagem perguntando se vale a pena criar um blog meu coração enche de felicidades.

Se você sente vontade de ter um espaço pra compartilhar dicas, momentos, aleatoriedades... não deixe de criar seu blog, seu espaço. Com o passar do tempo, vocês vão se encher de orgulho ao saber que tem gente que pensa igual a você, que possuem a mesma opinião ou passaram pela mesma situação.

Espero que tenham gostado!

Beijos, Lah!

terça-feira, 4 de setembro de 2018

Comprando tshirts divertidas por menos de R$50,00

via pinterest
Hey gente!

Eu sou a apaixonada por tshirts. Sempre acho que combina com quase todas as ocasiões e que é muito importante ter aquelas coringas por perto.

A moda agora são as frases divertidas que nos representam real. Pensando nisso resolvi separar minhas escolhas na loja Boutique Judith.
O melhor de tudo é o precinho, já que não chegam a cinquenta reais.
Além disso, possuem estampas, cores e tamanhos para todos os gostos. 

Espero que tenham gostado!

Qual foi a estampa preferida de vocês? Já tenho a minha escolhida!

Beijos, Lah!

segunda-feira, 20 de agosto de 2018

Resenha do filme Ibiza: Tudo pelo DJ, original Netflix

Hey gente!

Sabe aqueles filmes que adiamos enquanto podemos e sempre nos arrependemos de não ter assistido antes? É bem isso!

A Netflix arrasou mais uma vez com essa produção original. Eu digo isso por que gosto de filmes assim com essa pegada mais clichê, se você não gosta, provavelmente não irá gostar desse filme.

Eu já contei a vocês que sou apaixonada por filmes musicais ou que possuem uma boa trilha sonora, como no filme música, amigos e festas que resenhei há algum tempinho por aqui, justamente por também se passar nesse mundo. 
Nikki (Vanessa Bayer), Harper (Gillian Jacobs) e Leah (Phoebe Robinson) são três amigas inseparáveis que transformam uma viagem de negócios a Barcelona em uma louca aventura em Ibiza em busca de um DJ famoso.
Em Ibiza: Tudo pelo DJ conhecemos três amigas que enxergam em uma viagem de trabalho a oportunidade de terem uma aventura daquelas que sempre sonhamos em ter. E que aventura, amigos! 
Harper, Nikki e Leah acabam viajando para Barcelona quando a chefe da Harper a manda em uma tarefa super importante que está diretamente ligada com o seu futuro na empresa.

Nada poderia dar errado, correto? Errado! 

Essas loucas resolvem ir a uma boate, onde lá a Harper acaba conhecendo o DJ Leo West. Sabe aquele personagem que você já gosta de cara? Eu adorei e ainda bem que ele não me decepcionou, então, garantiu vários suspiros hehehe
Tudo estava dando errado para eles se reencontrarem, então a Leah descobriu que ele tocaria em Ibiza, logo cuidaram de viajar até lá. O plano seria elas irem para Ibiza encontrar o DJ, voltar para o aeroporto e ir para a tal reunião. 
Muitas aventuras, queridos. Nem tudo saiu como o planejado, tirando a parte de encontrar o DJ, já que essas cenas foram as melhores pra quem gosta de um romance bem lindinho de se ver.

Na verdade, eu comecei a assistir o filme por indicação do Hugo Gloss e gostei muito devido ter uma vibe para todos os garotos que já amei, daqueles filmes adolescentes e clichês.
Passei o filme todo reconhecendo o tal DJ Leo West, eis que quando fui procurar saber acabei descobrindo que ele é o príncipe encantado da Cinderela. Ai ai... mais um ponto para o filme, não é mesmo?!

Adorei a atuação dos atores, principalmente a da Gillian Jacobs que faz o papel da Harper, que me lembrou muito a Aubrey Dollar que interpretou a Molly Mahoney em Noivos por Acaso, que aliás, é um dos meus filmes preferidos da vida. 
Indico o filme para quem gosta de filmes com uma boa trilha sonora, daqueles filmes que aquecem nosso coração, nos fazem suspirar etc...

Eu me surpreendi com o filme, confesso. Pensei que seria uma coisa mais chatinha, sei lá. Pontos pra Ibiza!!! 

Ahhh, também temos a presença da música Sua Cara da Anitta, Major Lazer e Pabllo Vittar

Espero que tenham gostado!

Quem já assistiu? Me contem nos comentários o que vocês acharam!

Beijos, Lah!

sexta-feira, 17 de agosto de 2018

Resenha do filme Para Todos os Garotos que já Amei, original Netflix

Hey gente!

Venho com muita alegria compartilhar minha opinião da adaptação dos dois primeiros livros da série que conta sobre as aventuras da Lara Jean.

Quando eu soube que a série de livros escrito pela Jenny Han ia virar filme, quase pirei, pois foi uma novidade inesperada que amei receber. Há três anos atrás li o primeiro livro e me apaixonei, então desde então fiquei contando os dias para esse dia chegar.

Título original:  To All The Boys I've Loved Before
Direção: Susan Johnson
Gênero: Romance
Ano: 2018
Baseado nos livros da Jenny Han
Lara Jean Song Covey (Lana Condor) escreve cartas de amor secretas para todos os seus antigos paqueras. Um dia, essas cartas são misteriosamente enviadas para os meninos sobre os quem ela escreve, virando sua vida de cabeça para baixo.
Na caixa de chapéu azul-petróleo que era da sua mãe, Lara Jean guarda suas cinco preciosidades: cinco cartas escritas (e endereçadas) para seus cinco amores intensos, que não necessariamente ela se relacionou, mas que achou que merecia esse tipo de atenção.

Eis que as cartas da LJ são enviadas misteriosamente e a partir daí muitas confusões estão a vista. Na verdade, de início vemos quem enviou, diferentemente do livro que só descobrimos no final.
Como ela já imaginava, o garoto que ela gosta também acabou recebendo uma das cartas, o problema é que ele é um território que ela não pode ultrapassar, então Peter (sua ex paixonite que também recebeu uma carta) e Lara Jean acabam tendo a ideia de fingirem que estão namorando para 1) despistar o carinha que ela gosta ou achava que gostava e 2) fazer ciúmes na Gen, que agora era ex namorada do Kavinsky.

Todos os personagens principais dos livros estão presentes no filme.
A adaptação da netflix juntou os dois primeiros livros e lançou esse amor... ops, filme. Já querendo um segundo filme, produção!!!

Sempre que pensamos em adaptação queremos ver nossas cenas favoritas, né? Eu amei as escolhidas e nem senti tanta falta de outras, até por que li há algum tempinho, então terei que ler mais uma vez para perceber se realmente falta aquela cena babado que eu nomeei de "tem que ter no filme".
Por ser uma adaptação, temos muitas semelhanças, porém, também temos muitas diferenças que chamaram minha atenção, como por exemplo, o motivo das cartas serem enviadas são diferentes, o carro do Peter K também, cenário e momento que LJ foi entregar a última carta a Peter K, entre outros. Quem perceber mais, deixa nos comentários!!!
Sobre a atuação dos atores, adorei o Noah Centineo no papel do meu amor Peter K, que apesar de pensar que não gostaria tanto, até que me surpreendi e fiquei apaixonada. Ai ai...

A Lana Condor como Lara Jean é muito mais calma do que eu poderia imaginar. Achei a atuação convincente e adorei conhecer o trabalho dela.
O Israel Broussard no papel do Josh deixou a desejar, na minha opinião, mas não por que ele não atuou bem, e sim por que eu queria mais dele. Eu amo tanto o Josh, mas quase não apareceu exalando aquele amor todo, sabem? Quem leu a série sabe que ele é um amorzinho desde sempre. Então, o Israel nem teve tanta oportunidade de interpretar inteiramente o Josh. O Josh do filme me passou a impressão de ser um tanto chato.
Não posso ver a Janel Parrish sem pensar na Mona, de PLL. Lembram que falei no post de apresentação que eu não conhecia ela? Acho que se eu não tivesse assistido PLL veria a Margot com outros olhos. Mas apesar dela ser uma baita atriz, não me convenceu no papel da irmã mais velha da LJ, até porque Margot só tem 18 anos e a Janel aparenta realmente ter bem mais. Sobre a Margot no filme, achei até simpática hahaha contei na primeira resenha que a superproteção dela com a LJ estava me incomodando, mas no filme ela é toda amorzinho.
A Emilija Baranac no papel de Genevieve foi uma das minhas maiores surpresas. Eu não conhecia a atriz, tanto é que nem falei muito sobre ela por aqui. Achei que ela se encaixou perfeitamente e adorei a atuação dela.

O filme termina com o John Ambrose (um dos meus crush literários da série) aparecendo, ou seja, a última carta foi entregue, então libera uma continuação aí, netflix, nunca te pedi nada!!!
No geral, gostei muito da atuação dos personagens e da adaptação. Meu coração quase não cabe no peito de tanta felicidade. Falta agora só a série A seleção, né produção? Agiliza aí!!!

Para quem ainda não leu os livros e se interessarem, resenhei os três livros: Para todos os garotos que já amei, P.s: Ainda amo você e Agora e para sempre, Lara Jean

Espero que tenham gostado!

Me contem o que acharam! Quem já assistiu?

Beijos, Lah!
 
© COPYRIGHT 2014-2017. ENFIM RESOLVIDO. ALL RIGHTS RESERVED. DESIGN BY GABRIELA FREITAS